Catfish

O assunto é sério e vale sua atenção. Espalhe para o maior número de pessoas possível, para evitar que passem por essa situação. Catfish é uma expressão usada pra classificar um “golpe” ligado a relacionamento aplicado pela internet. As pessoas, homens e mulheres, mentem, iludem, manipulam outras por algum objetivo. As vezes única e exclusivamente por prazer em ver o outro sofrer.

Catfish the show mtvDessa vez darei meu depoimento, porque passei por isso recentemente, e já abordamos o tema de aplicativos para conhecer pessoas aqui no site. O cara, que morava em Belo Horizonte, apareceu num aplicativo de relacionamento se passando por sério e atencioso. Após pouco tempo, se dizia apaixonado, fazendo declarações e promessas; tudo o que nunca conseguiu cumprir. Como prova de que falava a verdade sobre o que sentia e para amenizar o meu ciúme, sempre se referiu à outras mulheres com indiferença e desprezo. Mencionava a família, inclusive falando sobre o carinho que nutriam por mim. Muita coisa estranha, histórias mal contadas. Durante quase 6 meses não pode me visitar, sempre com uma desculpa diferente. Dentre suas desculpas, algumas foram: a avó morreu, teve depressão, brigou com o tio, com a mãe, saiu de casa e engravidou uma amiga.

A história da gravidez foi a pior parte. Ele disse que em uma pulada de cerca – sim, nós tínhamos um compromisso, mesmo sem nos conhecer ao vivo, por sugestão dele – quando estava com raiva de mim, a menina engravidou. Sexo sem camisinha, com uma amiga de fora da cidade, de 28 anos, depois de uma balada; parecia difícil de acreditar. Chorou, pediu perdão, se declarou, e jurou que não se envolveria com ela, preferia morrer. Contou sobre o processo do exame de DNA, de não aceitar a situação e tudo mais; falou até a data em que supostamente havia acontecido. Por fim, quando ficamos sem nos falar uma semana, postou fotos com a garota. Para a minha surpresa, a barriga da menina era de quase três meses a mais do que a história que ele me contou, era na verdade de 5 ou 6 meses. Com toda a certeza, ficou com ela e comigo todo o tempo. A garota não sei se o conhece bem, mas continua com ele e provavelmente não sabe sobre tudo entre nós dois.

No decorrer desses 6 meses eu sofri da síndrome de Madre Tereza, tentando aceitar e entender os problemas dele. Acreditei e me arrependo de cada minuto disso; cada lágrima, cada noite mal dormida, cada mensagem de carinho que enviei. O afeto se transformou em ódio. O que eu espero que um dia seja tão relevante quanto o final da novela das 18, ou seja, nada.

Catfish the tv showAs únicas coisas boas dessa história são que a grávida não sou eu; imagina ter um vínculo para o resto da vida com ele?! E ter ganhado uma amiga e um amigo no meio dessa confusão.

Isso é para passar um recado; se achar que a conversa com o cara ou a mulher que vocês estão conhecendo é suspeita, é porque não deve ser boa coisa mesmo. A experiência é horrível. Com o passar do tempo, seus amigos e família, as pessoas que mais te amam, não falam mais com você sobre o assunto e ainda te acham louca por estar nessa situação. Dê ouvidos a sua intuição, e não chegue ao ponto de sofrer por alguém que tem incapacidade de sentir remorso. Dói muito se sentir enganada, ser feita de idiota, por ter se dedicado tanto a alguém que não existe. O problema não é com você, é com a pessoa que claramente precisa de tratamento.

O termo é decorrente de um documentário que abordou o assunto, sobre a experiência de um rapaz que passou por isso e depois chegou a um programa que é exibido pela MTV.

  2 comments for “Catfish

  1. Clara
    25 de abril de 2015 at 00:05

    Parabéns pela coragem de se expor, que fique de alerta. No meio disso tudo, algo de bom, nossa amizade!

  2. Andrea
    26 de abril de 2015 at 21:13

    Vivi, a intuição é como um músculo. E infelizmente só conseguimos exercita-la com o passar do tempo e das experiências. Sinto muito pelo que aconteceu. Mas espero que com tudo isso você tenha se aproximado mais da sua intuição, para saber reconhecer a voz baixinha dela numa próxima vez.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: